terça-feira, 9 de janeiro de 2018

MR TRUMP - UM HOMEM DE CORAGEM, DEFENDENDO SEU PAÍS

Ocupar essa cadeira, empunhar essa caneta exige CORAGEM... Ainda bem que ele tem...

O Sr. Donald Trump está sacudindo - literalmente - as estruturas sociais do mundo. Suas atitudes soam arbitrárias, megalômanas, e muita gente ao redor do planeta estão demonstrando desconforto.

Mas, sabem? O presidente dos Estados Unidos está fazendo o que se espera de um estadista, no cuidado com sua pátria!!!! E com algumas medidas certeiras, tem promovido onda de renovação no "clima" sócio-empresarial daquele país que, penso, não se notava há muito tempo!

A mais recente tacada do "Number One" é a mudança de status de mais de 200 mil cidadãos de El Salvador, que tinham sido admitidos em caráter temporário (vale dizer - PRECÁRIO), em razão de tremores de terra terem devastado sua terra natal. Teriam, os aceitantes da oferta, condição mínima de sustento e desenvolvimento famíliar na terra do Tio Sam, em caráter TEMPORÁRIO, um tipo de ajuda humanitária que só grandes mentes, descortinadas mentes, poderiam ter elaborado.

MAS TEMPORÁRIO, e isso ficou claro, desde o início.

Agora, em tempos de cuidado, de contenção, o primeiro dignitário dos E.U.A. decide fazer valer o combinado, nos idos de 2001... e estão reclamando disso! Confiram...

UM SUPORTE TEMPORÁRIO, sendo mal interpretado...

Um governante muitas vezes precisa tomar decisões difíceis, duras. Esse é um caso. Não gostaria de estar "nos sapatos dele" (como dizem os americanos), mas nesses dias de cuidado extremo, estou completamente seguro de que o Sr. Trump está fazendo a coisa certa.

Não sou norte-americano, mas os americanos devem muito da paz que estão experimentando agora mesmo (ainda que sobressaltada eventualmente por loucuras como a de alguns "snipers" recentes, em solo americano) a gente de coragem, que fez daquele país a nação símbolo da liberdade. É por causa do pulso de ferro do Sr. Trump que algumas práticas antisociais foram tolhidas. É por causa de líderes com CORAGEM de decidir que aquele bravo país prossegue sua carreira pelo mundo.

Alguns vão me criticar, reclamando que eles exploram o Brasil, etc e tal. Mas isso é uma bobagem indigna de debate. Vou somente ponderar que não há como escapar de uma estrutura de relacionamento capitalista (exploradores e explorados, no bom sentido), no mundo moderno - sequer sob a égide socialista, vide os poucos países que postulam o socialismo como seu modelo social.

Em paralelo, o que se pretende, elastecendo o suporte que tão generosamente foi oferecido aos salvadorenhos? Se a meta é que prossigam suas vidas, tão somente, o que se ganhou e o que se perdeu? Se, em paralelo, a meta é reconstrução social, porque não reconstruírem SEU PRÓPRIO PAÍS?

Alguém vai ponderar que os migrantes agora desfrutam de status social mais digno, que não têm tanta violência quando no país de origem, que há mais oportunidades de emprego, etc e tal... Pois então, se os E.U.A. continuam estendendo a acolhida a esmo, brevemente todas essas benesses se vão, por uma razão principal: os recursos para políticas públicas não crescem no mesmo ritmo que a população. Simples assim! A situação que originou a medida humanitária não existe mais!!!! E agora?

Ademais... não gostariam de ter isso - segurança, meios de subsistência, paz... em sua própria terra? Pois então... que o tentem replicar por lá! Que culpa têm os norte-americanos dos dissabores daquela sociedade? Precisamos ser mais pragmáticos e menos emocionais. A vida não se constrói com benesses que destroem outras estruturas. Infelizmente (ou não) a realidade não se constrói com emoção, ou com humanismo, mas com ações concretas. A emoção e o humanismo têm (e devem ter) lugar, quando as coisas estão estabilizadas, e passíveis de ser perenizadas.

(acho que hoje eu estou meio azedo...rsrsrsrsr)

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

JORNALISMO SEM VERGONHA NA CARA

Não deixa de ser imoral, embora meu ponto de vista seja sobre outra coisa...

O excelente site UOL nos traz, nessa segunda, matéria de lavra dos profissionais CAMILA MATTOSO e RANIER BRAGON, publicando que o presidenciável Sr. Jair Bolsonaro, e seu filho Eduardo Bolsonaro recebem auxílio moradia da Camara. Confiram...

MEIAS VERDADES

São sem dúvida dois dos arautos do mau-caratismo.

Ora, o regimento interno da Camara dos Deputados estabelece quem é passível de creditamento da benesse, nos termos abaixo (copiados diretamente do site da Camara):

"AUXÍLIO-MORADIA
O auxílio-moradia constitui-se em verba facultada aos parlamentares não contemplados com imóvel funcional. Sua regulamentação está presente nos seguintes normativos: Atos da Mesa 15/197910/1983104/1988 , 03/2015 e Portaria 01/1986.
O valor do auxílio-moradia é de até R$ 4.253,00 (quatro mil duzentos e cinquenta e três reais) por mês, conforme Ato da Mesa nº 3, de 25/02/2015, e poderá ser creditado ao parlamentar em especie, sujeito a desconto do imposto de renda na fonte (alíquota de 27,5 %), ou por reembolso de despesa, mediante a apresentação de nota fiscal de serviço de hotel ou contrato de locação e recibo de aluguel, sendo neste caso isento de imposto de renda."
Ora, a própria matéria informa que há 69 (sessenta e nove) parlamentares que se valem da benesse, nas mesmas condições dos mencionados parlamentares.
ONDE ESTÃO OS NOMES DOS OUTROS?
Assim, identificar somente os Bolsonaro como beneficiários de uma vantagem - que, embora possa ser imoral, É LEGAL -, quando há outros participantes também usufruindo dela, é no mínimo PARCIAL, denotativo de trabalho direcionado para deslustrar de forma focada. 
Porque, se tratarmos de identificar benesses imorais, porque não identificar TODOS OS PARTICIPANTES DO CARROUSSEL?
Eu tinha fundado receio de que a mídia estivesse mancomunada com a esquerda. Me faz sofrer a "sacanagem" incrível que se opera nas TVs abertas, com sua cultura degenerante. Me aborrece sumamente a parcialidade de alguns jornais impressos, como por exemplo "O Globo", "Jornal do Brasil", "O Dia", "O Estado de São Paulo"... Me aborrece que elejam alvos a critério de quem os banca, porque a responsabilidade de disseminadores de cultura e conhecimento os deveria coagir a serem mais coerentes, menos parciais, menos "vendidos".
TINHA. Ainda remanescia alguma suspeita sobre o que se veicula na internet. Mas após a notícia de hoje, reconheço tristemente que o UOL e seus contemporâneos também se vendem. Também estão empenhados na campanha "emburrecente" de nossa gente - que assim vai agravando seu perfil de incivilizados, ignorantes, mercenários, corruptos e corrompedores...
OBRIGADO, UOL. Obrigado CAMILA MATTOSO e RANIER BRAGON. Estão fazendo um ótimo desserviço à Pátria que os alimenta. 
Mas... "Sic transit gloria mundi"...
Brasil, eu te amo. Mas tua gente - tão mesquinha, tão venal, tão safada... me entristecem sobremaneira.

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

EXPLICANDO A ESQUERDA, SEUS PORQUÊS, SEUS DESESPEROS COM O QUE HÁ...

... e mesmo sabendo... milhões seguem a "cenoura"...

No limiar (gastando o português, claro!!!!) desse alvissareiro ano de 2018, não posso deixar de registrar, com alegria, trabalho da pena iluminada do conferencista e consultor empresarial Stephen Kanitz, postado em seu próprio blog - http://blog.kanitz.com.br. VIVA A INTELIGÊNCIA!

A ESQUERDA ACABOU. SAIBA POR QUÊ.
por Stephen Kanitz.
(Publicado originalmente em http://blog.kanitz.com.br)

A esquerda sempre precisou de dinheiro, de muito dinheiro para se sustentar. A direita por sua vez, não. Isso porque a direita é composta de adolescentes que estudaram quando estudantes, trabalharam quando jovens, pouparam quando adultos, e portanto se sustentar não é um grande problema.
A direita progride, enquanto a esquerda protesta nas Ongs e nos cafés filosóficos. esquerda sempre viveu do dinheiro dos outros. Karl Marx é o seu maior exemplo, sempre viveu às custas de amigos, heranças e do companheiro Friedrich Engels.
Não conheço um esquerdista que não viva às custas do Estado, inclusive os empresários esquerdistas que votam no PT e PSDB e vivem às custas do BNDES. Nos tempos áureos a esquerda tomou para si até países inteiros. China, União Soviética, Cuba, por exemplo, onde a esquerda se locupletou anos a fio com Dachas e Caviar.
Essa esquerda gananciosa foi lentamente sugando a totalidade do Capital Inicial usurpado da sua direita, até virar pó. Foi essa a verdadeira razão do fim do muro de Berlim. A esquerda faliu os Governos que eles apoderaram.
No Brasil, a esquerda também aparelhou e tomou Estados e Municípios, e também conseguiu quebrá-los. Socialistas Fabianos como Delfim Netto, FHC, Maria da Conceição Tavares ainda vivem às custas do Estado com duas ou mais aposentadorias totalmente imorais. Só que o dinheiro grátis acabou.
Sem dinheiro, a esquerda brasileira começou a roubar, roubar e roubar com uma volúpia jamais vista numa democracia. Mas graças à Sergio Moro, até esse canal se fechou para a esquerda brasileira. Sem a Petrobras, as Estatais, o BNDES, o Ministério da Previdência, o Ministério da Educação, a esquerda brasileira não tem mais quem a sustente.
O problema da esquerda hoje é outro e muito mais sério. Como esquerdistas irão se sustentar daqui para a frente? Como artistas plásticos, professores de Filosofia e Estudos de Gênero da FFLCH, apadrinhados políticos, vão se sustentar sem saberem como produzir bens e produtos que a população queira comprar?
Que triste fim para todos vocês que se orgulhavam de pertencer à esquerda brasileira!

Meu agradecimento público ao Sr. Kanitz, pela clareza e concisão ao expor tão cristalinamente a coisa toda!

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

"COLARINHO BRANCO? MUITO PRAZER, DR. GILMAR MENDES AO DISPOR DE V.EXCIAS."

Por essas e tantas outras...

E o Dr. Gilmar Mendes NUNCA me frustra!!!

Amigos, quando o homem se move (ao menos ao longo dos últimos dois anos), não tenham dúvida alguma - é na direção de indiciados por crimes de "colarinho branco"! Apreciem as últimas novidades da espécie...

Gilmar Mendes, o paladino dos "sacrificados"... só que não...

Acredito que nunca vi tanta regularidade em servir à banda "podre" dos grandes homens desse país.

Certamente algum dos meus leitores há de se incomodar com a regularidade e acidez com que comento os feitos do Dr. Gilmar (em sua maioria esmagadora realizados por decisão monocrática). Pois bem, vamos à minha justificativa.

As liberações continuadas de pessoas sob prisão preventiva podem indicar que quem decretara as ditas prisões sejam pessoas sem critério, pessoas que arrepiam o Código de Processo Penal, ou gente que tenha "vendetta" contra os contristados. Pois bem, todas as ordens aconteceram de lavra de juízes com vasta experiência judicante, como por exemplo, o Dr. Marcelo Bretas, que é juiz federal desde 1997 (ou seja, a mais de VINTE ANOS). Em contrapartida, o Dr. Gilmar Mendes NUNCA FOI JUIZ. Fora guindado ao STF, após o desempenho de alguns cargos importantes, conquanto não da carreira de magistrado, pelo governo FHC, em 2002.

"En passant", como diriam os franceses, o Dr. Gilmar Mendes tem menos carreira de magistrado que o Dr. Bretas... mas quem se importa com esses detalhes insignificantes, não é mesmo?

Na matéria destacada no início desta crônica, dentre outras pérolas, o ilustre magistrado liberara D. Adriana Ancelmo de sua vaga no sistema prisional, para a benesse de prisão domiciliar, sob a justificativa de que "A questão da prisão de mulheres grávidas ou com filhos sob seus cuidados é absolutamente preocupante, devendo ser observadas, preferencialmente, alternativas institucionais à prisão, que, por um lado, sejam suficientes para acautelar o processo, mas que não representem punição excessiva à mulher ou às crianças."

Aparentemente, muito altruísta, a decisão, de fundamento humanitário (claro, ele esquecera de que 1 - a jovem senhora sabia dos efeitos que suas ilicitudes poderiam acarretar e 2 - aparentemente não há crianças de peito, mais, emsua prole). 

Mas agora vem a pergunta que não quer calar: o Dr. Gilmar vai liberar mais MILHARES de mães que literalmente mofam na cadeia, ou só a esposa do Sr. Sérgio Cabral? Vai ou não? Que fator diferenciador separa a Sra. Adriana das mulheres humildes que furtam calcinhas ou repassam drogas para seus parceiros???

São somente duas situações, da lavra de 18.12 passado. Há outras "preciosidades", nos últimos movimentos desse ano, realizados pelo eminente magistrado. Atos que só poderão ser revistosa partir de Fevereiro/2018. O que significa que os liberados (D. Adriana inclusive) poderão sofrer seus "martírios" jurídicos amenizados pelas festas de final de ano, afinal ninguém é de ferro, não é mesmo, Dr. Gilmar?

Se V. Excia. conseguir responder satisfatoriamente ao questionamento subliminar das duas situações acima destacadas, terá meus respeitos, e consideração. Se não (não creio que seja possível, na verdade), continuará tendo o meu desprezo, e o desprezo de muitos -eu diria, a maioria - dos pares de V. Excia.

O que o Sr. faz, Dr. Gilmar Mendes, não é JUSTIÇA. É compadrio. Mas então... lembre-se de há duzentos milhões que amariam ser compadres de V. Excia., e desfrutar da Justiça que o Sr. tão tenazmente, tão insistentemente, tão vergonhosamente distribui entre os "amigos".

FELIZ NATAL, EXCELÊNCIA! ANO NOVO PRÓSPERO, DEUS SEJA O JUIZ DE V.EXCIA.!

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

E A ESTUPIDEZ MIGRA!!!!!

Atestados de ignorância explicitos

O noticiário nos dá notícia de que algumas pessoas teriam realizado protestos lá, nas cercanias da Universidade de Coimbra, em Portugal, reclamando da presença do Dr. Sérgio Moro, em evento com palestras, relacionado à corrupção, dentre outros temas conexos. Confiram...

O protesto dos rebeldes sem causa

A coisa interessante é que aparentemente o pessoal, reunido sob égide de uma tal APEB (Associação dos Pesquisadores e Estudantes Brasileiros em Coimbra) não queria contestar nada relacionado à corrupção. Queriam mais uma vez destacar a pretensa "afronta" aos direitos humanos... E criticaram a participação do já referido magistrado.

Observem que esses "preocupados" com direitos humanos vivem num país onde os tais direitos são respeitados por uma prevenção cultural - ou seja, a cultura dos europeus, que está centenas de anos à cultura brasileira, é que produz o ambiente onde esses "preocupados" vivem. Logo, a ambiência que experimentam lá não é a mesma que temos aqui.

Mas, "ad argumentandum tantum", talvez seja boa idéia recordar aqueles energúmenos que, em gesto de desrespeito à pátria que os acolhe, pichara muros da centenária Universidade, com dizeres ofensivos ao homem que à custa da própria tranquilidade, tem buscado o que aqueles alienados se furtam a comentar - JUSTIÇA.

E é totalmente próprio aqui se tocar no assunto, porque sem JUSTIÇA não existirão direitos humanos (talvez tenha os "dos manos"), coisa que aqueles ignorantes postularam em seus argumentos.

Sem JUSTIÇA, caros integrantes da APEB - e a Justiça tem no Dr. Moro um de seus mais distintos, insignes, representantes - sem Justiça vocês não teriam nem liberdade para fazer o que fizeram.

Meninos e meninas "rebeldes sem causa, se queriam alguns minutos de luzes da ribalta sobre si, conseguiram. Parabéns.

Agora, voltem para a esbórnia dos finais de semana. Voltem para seus livrinhos virtuais e ideários sem noção. Voltem para suas lições de ideologia de esquerda. Talvez adquiram maturidade para reprovar o que pensam e expõem.

Deixem os brasileiros que amam este país aqui tentem ao menos fazer dessa Pátria um lugar melhor, para quando vocês - se for o caso - quiserem retornar. Afinal de contas, queremos o Brasil e sua sociedade cada vez mais parecidos com a sociedade portuguesa, em termos de condições de vida e suporte aos recursos humanos. E não o contrário - não precisamos exportar (parece que esse foi o caso) pichadores para a Europa.

DEIXEM O DR. MORO (e outros paladinos da Justiça) EM PAZ.

domingo, 3 de dezembro de 2017

O GUARDIÃO DA DESONRA

Imagem auto explicativa...

O que se esperar de um país onde a mentira é algo louvável (muito entre políticos), o roubo é prática corriqueira, a corrupção está institucionalizada desde os gabinetes do poder até às latrinas escolares?

O que se esperar de um país onde seus homens públicos mandam para o exterior recursos de que não poderiam explicar a origem, se fossem depositados em contas bancárias nacionais?

O que se esperar de um país onde manobras políticas vociferam que a previdência vai mal, mas o próprio governo mete a mão na massa, para retirar recursos de onde se supõe está deficitário (quem não conhece ainda, procure saber o que é DRU - esse é o nome da manobra)?

O que se esperar de seus homens públicos? Até meados de 2018, NADA. Porque aqueles sujeitos sem vergonha (há pouquíssimas exceções, preciso conceder isso) vão estar correndo desesperados pelo país afora, tentando salvar seus mandatos imorais.

O que se esperar de sua Justiça? Ahhhh, essa justiça! O que esperar dela, senão panos quentes para "amigos", e presepadas em nome da Lei?

Senhoras e senhores, o Brasil aí está.

Mas o capítulo que chocou o país, essa semana, foi escrito por nada mais nada menos do que o Sr. GILMAR MENDES...

Esse homem NUNCA ME FRUSTRA!!!!! É surpreendente a sua regularidade, paladino dos fracos e oprimidos deste país!!!!!!

E não é que o Sr. Barata Filho, empresário no ramo de transportes no estado do Rio de Janeiro, escapou da prisão pela TERCEIRA VEZ, graças à "chave" do Sr. Gilmar Mendes?

Mas está correto, Excelência. Os juízes que ordenaram a prisão do pobre homem são certamente uns ignorantes de pai e mãe, não têm sequer o saber de V. Excia. Cometeram despautérios, abusaram de alguém tão inocente!!! A Procuradoria Regional Regional da República tem andado em conluio com juízes, para prejudicar o coitado!!!!!

Naturalmente, Excelência, é fundamental livrar da cadeia - injusta, frise-se "en passant" - quem de modo tão gentil lhe manda flores, sem qualquer interesse!!!!

Óbvio que um "compadre" que convidara V. Excia. para apadrinhar sua prole merece consideração a mais, não é mesmo, Excelência?

NOTA: os parágrafos de dez a treze são PURA IRONIA. Por favor, não acreditem que eu me bandeei para o lado das pessoas sem vergonha deste país - EU NÃO.

Dr. Gilmar Mendes, me causa espanto V. Excia. não se dar conta do quanto têm sido ridículas as posturas que o Sr. assume. Mas o que me deixa verdadeiramente surpreendido é o que o Sr. está fazendo com a Justiça, no Brasil... Se uma metáfora se permite - V. Excia. está estuprando Têmis no meio da praça e fazendo alarde disso.

Dr. Gilmar, lembre-se desses dias negros e decisões idem, para incluir na biografia de V. Excia. Será sem dúvida um grande marco, na história de um homem pequeno (pequeno em suas atitudes, e em sua verborragia viciada e tendenciosa), que pretendeu ser grande.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

FALTOU VERBA NO ORÇAMENTO DA JUÍZA

Postagem inteligente do blog "Humor Político" - Obrigado, rapazes!


Essa semana, como se já não estivéssemos assoberbados com bobagens emanadas do Planalto Central (fisiologismo, "mau-caratismo", ladroeiras de toda ordem, "amigos do rei" sendo acomodados...) a Dra. Luislinda Valois - Ministra dos Direitos "dos Manos" nos brinda com a pérola do momento.

Não é que a ilustre magistrada está sem dinheiro para maquilagem e roupas "adequadas"? Pois então, é o que parece.

A Exma. Sra. Ministra, que é desembargadora aposentada, percebe proventos da ordem de R$ 30.400,00 e alguns reais a mais... Pois bem, a ilustre ministra de um ministério de fachada, postulara, junto ao "patrão" receber os vencimentos integrais do cargo de Ministro. Ora, como o ordenamento constitucional veda subsídios aos ministros superiores aos de Ministro do STF, o Tesouro somente complementava com alguma coisa em torno de R$ 3.200,00, para atingir o teto.

Mas a "vetusta" (e polêmica) senhora não se deu por satisfeira, ora, ora, ora... Que negócio é esse de trabalhar de graça?

“Como é que eu vou comer, como é que eu vou beber, como é que se vai calçar?”, ela perguntou, numa entrevista à Rádio Gaúcha. “Eu, como aposentada, podia vestir qualquer roupa, podia calçar uma sandália havaiana e sair pela rua.Mas como ministra de Estado eu não me permito andar dessa forma. Eu tenho uma representatividade” (gratidão a Josias de Souza, colunista do UOL, por ter registrado essa fala).

O Brasil está povoado de "mau-caratismo", nos círculos de poder. Não interessa se essa senhora é negra, se construiu com esforço sua carreira, etc e tal. Ela precisa ter POSTURA.

E faltou postura, ao considerar que seu magro soldo de R$ 30.471 reais - acrescido do acerto do Tesouro de R$ 3.200, lhe estava fazendo passar apertos financeiros.

Excelência, o que dizer de um pai de família ganhando brutos R$ 937 (NOVECENTOS E TRINTA E SETE REAIS) que disseram que vai ser reajustado para o ano que vem, em 3,61% (ou algo parecido)?????

O que dizer, Excelência, de mulheres esforçadas, que "ralam" de sol a sol, muitas vezes abandonadas por maridos medíocres, para sustentar sua prole, ou para sua própria sobrevivência?

A Sra., Excelência, não tem problemas de transporte. Tem carro oficial à disposição, franquias importantes. E nem vou falar mais da aposentadoria de v.Excia.

A Sra., Dra. Valois, precisa somente ter POSTURA de quem se importa. Direitos Humanos (acho um excesso sem finalidade esse tal ministério, mas enfim... como são cabeças alienadas que mandam...) diz respeito a atenção à pessoa humana, simples assim...

Vida longa à Sra. Doutora! E que acerte na loteria, pra não precisar viver dessa "merreca" que o poder público lhe concede (irônico, pelamordedeus!!!!).

Brasil - eu te amo, Pátria minha. Mas tem gente aqui que deveria ser mais gente...


MR TRUMP - UM HOMEM DE CORAGEM, DEFENDENDO SEU PAÍS

Ocupar essa cadeira, empunhar essa caneta exige CORAGEM... Ainda bem que ele tem... O Sr. Donald Trump está sacudindo - literalmente - ...