LÁGRIMAS NO PARAÍSO

Abro um de meus sites prediletos, e dentre outras doidices, encontro a história de uma adolescente aí pelos seus 15 anos, que fora estuprada por uma turma, sofrera outras violências, e até teve pertences roubados, tudo isso perto de Richmmond, California, EUA.

Reflexo dessa nossa sociedade pós-moderna, a monstruosidade de alguns adolescentes tem origens no seio de lares onde amor é substituído pela mercantilização do afeto, pela mediocridade relacional de gente que não se interessa mais em se aculturar. Ao invés do que muita gente pensa, isso não é exatamente fruto de carência economica, ou algo parecido, porque as pessoas/famílias na verdade têm a opção de se aculturar ou não. Estamos passando em verdade por uma crise de sociabilidade, onde o que importam são os fins, e para o diabo com os meios!

Em paralelo, corre o debate sobre que destino se daria para os menores infratores - lá nos EUA e aqui, no Brasil. Bem, vejamos - se os meninos têm capacidade para penetrar a moçoila, e pensam e planejam isso, eles com toda a certeza têm também capacidade processual! Uma mentira deslavada é se propor que são crianças. Porque não são. Foram empurrados pro mundo dos adultos, seja pela família, seja pela TV (ah, sim! Esse veículo aculturador, que tem ensinado às gerações a enganar, trair, agredir, tirar vantagens...), seja pura e simplesmente pela sociedade em que vivem. E FAÇAM O FAVOR DE TIRAR AS ESCOLAS E OS PROFESSORES DISSO, HEIN?

Pois... que as leis brasileiras sejam atualizadas, para se colocar um torniquete na sangria. Que nossas escolas tenham mais atenção das nossas autoridades vaidosas e contraproducentes. Aí sim!

Enquanto isso não acontecer, nós vamos ficar com inveja dos juízes americanos, e continuaremos a sofrer a ação pusilânime de nossos "menores" infratores.

Boa tarde!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA