D. DILMA E SUAS CHORADEIRAS

Os noticiários hoje dão nota de que a pré-candidata à presidência, Sra. Dilma Roussef, teria tecido comparações entre o governo precedente (tucano) e o ora em curso (petista). D. Dilma dissera que aquele governo era o governo do "não".



Não que me encantem as ressalvas de ambos os lados, eu quero é que eles de defendam! Mas por uma questão de imparcialidade, resolvi conferir o que foi "sim" do governo em ocaso, em contraponto propalado governo do 'não".



SIM - tivemos infinitas alternativas de acertos fisiológicos no Congresso Nacional (afinal, aqueles pobres coitados precisam viver!);

SIM - tivemos gente ficando rica da noite para o dia, como um tal de Sr. Zeca Dirceu, e também um outro senhor, assim chamado Fábio Luiz, de sobrenome "Lula da Silva";

SIM - tivemos muitas viagens de figurões, a título gratuito, em aviões da nossa dilapidada FAB;

SIM - tivemos uma ampliação (visual, comprovável, pelo menos) da base de acordos em licitações absurda.

SIM - tivemos crescimento geométrico de uma excrecência social denominada MST, com seus feitos de apelo anárquico, como se precisássemos mais disso, no Brasil!

SIM - continuaram desmatando a Amazonia...

Eu espero que o pessoal petista esteja satisfeito com o placar de "SIMs". Porque os "não" são igualmente marcantes:



NÃO - cumpriram o prometido nos PAC liberados na fase 1.

NÃO - se eliminou ou diminuiu a corrupção endêmica que assola o país.

NÃO - se resolveu satisfatoriamente a questão indígena - alocação, preservação cultural...

NÃO - aconteceu a Reforma Tributária, nessa terra de impostos e taxas escorchantes.

NÃO - se corrigiram os demandos na Previdência Social.

Governar sempre foi um desafio, e especialmente o Brasil desenvolvimentista que temos o é. Alguma coisa foi feita sim, assim como o governo tucano do Sr. Fernando Henrique fizera algo sim. O que precisamos é de um arejamento na atmosfera de pocilga que se sente na Esplanada do Planalto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA