A DOENÇA DE UMA NAÇÃO

Que me critiquem... que me desmintam... continuo firmemente acreditando que o desafio maior nossa gente precisa superar é a falta de cultura, num âmbito geral.
Se comparamos o povo brasileiro ("público", não povo, já dissera alguém) com outras nações de existência similar - há quanto tempo existem, veremos que aquelas que estão adiante de nós (e são muitas), estão avançando mercê da cultura oferecida e desejada, e aquelas que estão atrás do povo brasileiro (muitas igualmente) ainda estão no estágio de "subdesenvolvidas" por limitações culturais, também, principalmente, e pelo descaso com o desenvolvimento humano.
Então, o que nos sobra? Que a falta de aculturamento do brasileiro médio é o mal que, corroendo tudo em todos, permite a corrupção, a leniência da lei, o descaso com a coisa pública... e (aqui está o mais triste) o descaso/desrespeito/humilhação/desvalorização dos professores, em benefício de "novos padrões" educacionais, regados a informática (não tenho nada contra, vale dizer), padrões que são mais simulacros de sistemas de ensino...
Precisamos sacudir a poeira doentia do comodismo, e reivindicar. Não com "paradas", mas com abaixo-assinados, plebiscitos, sabatinas de nossos políticos eleitos... afinal eles ganham BEM MAIS do que a maioria dos mortais...

Brasil... esse negócio de "deitado eternamente..."... tomara que você acorde LOGO!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESCOLAS DE DELINQUENTES

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...