O QUE AS NOVAS GERAÇÕES ESTÃO HERDANDO

Domingo, 17 de março de 2012, e eu ruminando a loucura em que vivemos. Pode parecer ultrapasso o discurso, mas antes de me jogarem pedras, considerem meu argumento.

Na TV temos exemplos de toda espécie. Algum "pascácio" dissera que a arte imita a vida - a meu ver a arte(até natureza morta) enfeita a vida, não a imita, porque horrores já os temos no dia-a-dia. Não preciso dos horrores da vida dentro das minhas portas, acossando minha família.

Ok, arte televisiva, arte na internet, composições musicais insinuosas de libidinagem... entretenimento (faz-me rir). Então algum outro "pascácio" vai levantar o dedo na minha cara e dizer: "Isso é liberdade de expressão! estamos no século XXI, a sociedade amadureceu!"

Liberdade de expressão. Liberdade.

Em Ciência Política (muito obrigado por tudo, Dra. Dorita Zieman Hasse!) conhecemos nuances interessantes de liberdade, e a relativização de tudo isso, suportada pela idéia de globalização que é completamente invasiva, no nosso século, sem chances de retorno. Tema que todo homem moderno deveria esmiuçar.

Ali as coisas são generalizadas, mas a especificação do tema vai direcionando a sociedade como um todo e o indivíduo em particular para a melhor conduta, o melhor uso da liberdade que tenha, em prol de desenvolvimento da dita cuja sociedade.

Bem, bem, bem. Acontece que há sociedades e sociedades. E o parâmetro comportamental que para as Américas é comum( ! Não deveria ser?),  não é totalmente aplicável por exemplo no Oriente Médio (sabiam que em alguns países de lá a prostituição é crime? PessoALL... se a moda pega por aqui...). O que é regramento em Singapura não pode, por exemplo, ser aplicado no Brasil (já pensou quanta gente iria tomar chibatadas em público? A começar pelos nossos políticos, iria faltar chibata...).

Bem, já sabem... dessa peroração toda se depreende que o vento que venta lá NÃO VENTA cá... e aqui começa minha reprovação ao que hoje temos, sob o pomposo nome de "arte".

Continuo na próxima crônica. Sabem como é essa vida de artista...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA