sexta-feira, 15 de junho de 2012

OU FOGE, OU FICA POR ISSO MESMO

Há alguns dias comentei sobre o "Cachoeiragate", e dos esforços do Dr. Márcio T. Bastos para libertar seu cliente ora famoso, o Sr. Carlos Augusto "Cachoeira" Ramos.

Naquela ocasião eu ponderei que seria temerário liberar o homem, porque SIM, ele tem poder (traduza-se por $$$$) pra sair do Brasil quando quiser, porque SIM, ele poderá prejudicar o andamento das investigações ameaçando testemunhas ou comprando-as, e também pelo detalhe prosaico de que o homem é um arquivo vívo da corrupção do Planalto, e alguém pode estar desconfortável de vê-lo circulando por aí.

Bem.

O Dr. Tourinho Neto, Exmo. magistrado da Primeira Região do TRF, em decisão monocrática libertou o homem. E, embora ainda pendesse uma prisão sobre o acusado, sem dúvida o outro juízo o vai liberar, em linha com o que deliberara o Dr. Tourinho Neto.

Sigo crendo que foi uma rematada falta de senso, essa liberação, pelos motivos já expendidos, mas como não sou eu que dou a canetada (canetada que, já se vê, já valeu uma nota pelo menos para uma certa banca de advogados)...

Então, teremos duas possibilidades de desfecho - ou o homem se manda, e ficam aqui os ilustres representantes do povo (Senadores e Deputados) se unhando e vociferando palavras para o vazio, enquanto tentam apanhar os peixinhos do cardume ou...

... ou haverá um esvaziamento forçado da CPI, e tudo ficará como "dantes no quartel de Abrantes" (como dizia minha falecida tia).

Vergonha nacional, claro. Quem viver, verá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUANDO A INTELIGÊNCIA ENCONTRA A ALIENAÇÃO

Com muito prazer republico um texto profundíssimo, que pode divertir, e vai trazer muita luz, sobre o momento político que vivemos. É ...