D. DILMA, A SRA. ESTÁ CERTA!

Em manifestação pública em conferência (a nona) de direitos da criança, etc e tal, a Sra. Dilma Roussef externou que um país deve ser medido pelo que faz a suas crianças, não pelo que produz.

Nossa presidente está 100% correta! Na verdade a extensão de tal declaração é ampla, quando alcança homens e mulheres que já foram crianças...

Em algum lugar de seu pronunciamento, nossa presidente enfatizou que o Brasil será um país desenvolvido quando suas crianças e jovens tiverem educação de qualidade. Mais uma vez, corretíssima, o fator humano é que vai resultar nos desdobramentos materiais, políticos e econômicos.

Mas essas mesmas crianças estão morrendo por falta de atendimento nos hospitais da rede pública, de maneira geral sucateados, e mal administrados. Essas mesmas crianças e jovens estão tendo simulacro de ensino fundamental, a ponto de não ser possível alguém egresso do primeiro grau conseguir fazer mera subtração de tres dígitos.

São essas crianças, Sra. presidente, que são acalentadas por traficantes, e embaladas no sonho da marginalidade, estão em pouco tempo se voltando contra o resto da sociedade, que assiste a tudo "em berço esplêndido (?)".

Essas crianças padecem de falta de segurança, de condições mínimas de sobrevivência, de dignidade.

Enquanto isso, na "Ilha da Fantasia", também chamada de Capital Federal, e em suas sucursais pelo Brasil afora, políticos imorais em sua maioria desviam recursos, manobram licitações em benefícios de seus sequazes civis, vilipendiam nossa gente de toda maneira, e aparecem posando de bons moços periodicamente, a cada quatro ou oito anos.

Excelência, preciso, a bem da verdade, fazer uma outra colocação, tão incômoda para V. Excia. quanto o será para mim, ao exprimí-lo - os programas "isso família, aquilo família, bolsa isso, bolsa aquilo" não resolvem os problemas gravíssimos de nossa gente. O efeito mais expressivo é a drenagem de recursos do Erário.

Disse que a opinião é incomoda de eu expressar e V. Excia. tomar conhecimento, porque um contingente de milhões de brasileiros discordaria de mim e de uma eventual redução da oferta desses lenitivos sociais.

O ponto é exatamente esse - esses programas não resolvem a má administração subjacente, nem eliminam o descaso reinante, funcionam como um curativo, bonito a princípio, mas que oculta uma ferida aberta que, mais dia, menos dia, macula o(s) curativo(s), de forma irreparável.

O ideal é uma reforma de base, Excelência, e que com certeza milhares de pessoas já deve ter recomendado. Um acordo com o Judiciário, para se evitar batalhar recursais, e o uso discricionário do Direito Administrativo. Excelência, nossa gente ESTÁ MORRENDO, no meio de um monte de programas!!!!

Brasil... somos ridicularizados mundo afora, recentemente alguém arriscou dizer que a propina (bribery) é algo cultural nosso... COMO É QUE FICA? Os poderes constituídos não vão salvar mesmo nossa gente?


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESCOLAS DE DELINQUENTES

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...