UM EFEITO CASCATA INDESEJÁVEL - SAÚDE NO RN

Essa é para o Executivo, se bem que fustigue de algum modo nosso Legislativo.
Já há alguns dias tenho lendo matérias sobre as dificuldades da Saúde Pública no estado do Rio Grande do Norte. Não precisaria ir muito longe para constatar esses apertos. Aqui mesmo no nosso estado do Paraná temos problemas no serviço público de saúde.
Mas... o governo do estado do RN decretou estado de calamidade pública na Saúde daquele estado. Doentes demais, médicos de menos, instalações de saúde precárias - toda a santa semana alguma notícia relacionada a mau atendimento em hospitais da rede pública aparece. A coisa engraçada é que quase não há problema com a rede privada (parece óbvio?).
Enquanto isso... o pessoal de Brasília parece estar na Ilha da Fantasia, onde centenas de "Mr. Roarke" se pavoneiam de bons moços, e servis servidores se prestam ao papel de "Tattoo". Eles não têm problemas de saúde. Seus destemperos somáticos são curados mediante alentadas contas na rede privada. O grande problema é que a Ilha da Fantasia É UMA FANTASIA.
O que isso tem a ver com o RN? Acontece, senhores e senhoras, que o país tem 26 estados. E agora, um deles decreta estado de calamidade pública. Me digam que eu estou errado, e outros não vão seguí-lo!
Desde o açoitado Maranhão ao ignorado Rio Grande do Sul, passando por ambos os lados do território nacional, TODOS os estados estão em maior ou menor nível no mesmo passo do RN. Se a moda pega, teremos um caos...
Reflexão dolorosa... porque chegamos a tal ponto? Por duas palavrinhas de peso ridiculamente grande, na política nacional - nossa gente está morrendo ou sofrendo por causa de FISIOLOGISMO e CORRUPÇÃO. E eu explico.
Será fisiologismo "latu sensu" quando esse ou aquele partido/senador/vereador for beneficiado em seus nichos de ação, em detrimento da isonomia que todos os brasileiros deveriam desfrutar, a teor de nossa Constituição Federal (pra que serve aquele livrinho ultrapassado?). Fisiologismo da pior espécie, e se olharmos de perto veremos que é um tiro no pé de cada agente ativo do processo, porque a banda PASSIVA está ficando descontente.
Será corrupção quando se sabe que o custo da Saúde no Brasil é elevadíssimo mercê de licitações fraudades pela tal da "Ética de mercado" que se ouviu numa mesa negocial. É corrupção quando demonstra que esse ou aquele político levou seu "caixa" em obras públicas, e há hospitais públicos caindo aos pedaços.
Com a palavra Sua Excia. Sra. Dilma Vana Roussef, nossa presidente. Com a palavra seu Ministério, que disputa cada naco do orçamento com a voracidade de sabujos esfomeados. Com a palavra o Legislativo, que age como se fossem imortais, acima do bem e do mal, e não sujeitos a uma mera gripe H1N1 (é, tem gente morrendo por causa de influenza, pode? Mas eles se tratam em lugares de nome sonoro, como por exemplo a Rede D´Or, Incor, ou similares no exterior).
Com a palavra o MP, com a palavra a PGR (hoje eu estou envenenado, coloquei todos no rolo... deve ter sido a vitória do Corínthians, que vai servir de lenitivo à dor de muito brasileiro humilde, pelo menos até o final de semana.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA