PALADINO DA JUSTIÇA

Igualmente controvertido foi o desempenho do CNJ ao longo da última gestão, sob batuta da Dra. Eliana Calmon. CNJ que agora recebe o Dr. Francisco Falcão, com a saída da digna corregedora, já referenciada.

Instituição que antes de mais nada tem o escopo de preservar as instituições do Judiciário, zelar pela retidão e eficiência dos õrgãos diversos, foi, nada obstante, duramente resistida, inclusive com petitórios ao STF, que ao final de tudo pacificaria a questão, em favor do CNJ.

De onde provém a insurgência? Ora, ora, ora... a AMB, algumas figuras togadas esparsas... Senhoras e senhores juízes, ENTENDAM - o CNJ existe para lhes dar respaldo, manter a seriedade das carreiras funcionais da Justiça, e para atender onde algum órgão não esteja funcionando a contento. Simples assim...

Então, qual a grita? Porque tanto açodamento? Será que aquela "meia dúzia" mencionada pelo Dr. Francisco Falcão, que - disse ele - precisa ser afastada, não estaria por trás disso?

Exmos. juízes, todos nós sabemos onde há focos de corrupção e para infelicidade tremenda minha, em particular (eu sou cultor do Direito e suas carreiras), desmandos e decisórios parciais às dúzias, e é algo conhecido, não é segredo.

Ententam que o CNJ está na estrutura para, com seu trabalho de polícia, dar aos Exmos. Srs. a respeitabilidade de servidores sérios. O CNJ não foi em cima de nenhum inocente, até onde posso pesquisar...

A não ser que os Srs. queiram mesmo manter essa relativa nebulosidade profissional, uma aparência de lisura temperada com o mal da ilicitude. Só isso justificaria a grita contra o CNJ.

Preciso avisar entretanto que,  se foi esse o entendimento, os Srs. juízes estão andando na contramão do resto do mundo... aparência limpa é cartão de visita em qualquer lugar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA