PROCESSO ELEITORAL X FALSOS REPRESENTANTES

Rola desde algum tempo uma polêmica a respeito da lisura do processo eleitoral no Brasil.

Historicamente a coisa sempre deu o que falar, até que se instalou o sistema de urnas eletrônicas. Pensávamos que nosso processo eleitoral estava salvo.

PENSÁVAMOS.

Eleitores de uma determinada família, numa cidadezinha do Maranhão votaram em determinado candidato. e a surpresa aconteceu: NENHUM daqueles votos foi computado!!!!!!

Isso foi levantado, pessoas denunciaram a fraude mas... nada aconteceu, a não ser que um ou outro denunciante fora penalizado por colocar a "boca no trombone", e o fabricante substituíra as urnas sob suspeita.

Entrementes, técnicos em informática propalam aos quatro ventos que o sistema É PASSÍVEL DE FRAUDE. E agora, Josés?

A gravidade do tema é imensa. Indica sem sombra de dúvida que o sistema não é confiável. Mas essas expressão singela oculta uma coisa horrenda - A POSSIBILIDADE DE QUE NOSSOS REPRESENTANTES SEJAM FRAUDE.

Vamos esmiuçar a coisa. Um sistema com fragilidades que, por exemplo, faz sumir um punhado de votos de um candidato, com toda a certeza poderá ser manipulado para conferir votos a quem não os tivera!

Vai daí a possibilidade de nos depararmos com surpresas, a saber, alguém com chances mínimas de repente surgindo como vencedor, numa eleição.

Claro, isso é bobagem, quando ponderamos que muitos de nossos representantes sequer tiveram votos, mas foram eleitos pelo montante de votos da legenda. Uma outra forma imoral, safada, perversa mesmo, de serem elevados a representantes pessoas que sequer têm o respaldo popular mínimo.

Detalhe... nossas máquinas de votar são ultrapassadas, e as mais aceitas atualmente (notem bem, NÃO TOTALMENTE ACEITAS, porque foram banidas de modo geral de muitos países), são de uma chamada "segunda geração", as quais podem ser checadas por cópias impressas dos votos. E agora, quem lá no Planalto Central vai se arriscar a mudar o sistema?

Estamos nos avizinhando de eleições gerais. Precisamos ficar atentos, brasileiros, para coibir a malandragem de nossos "rapazes" (incluo algumas "raparigas", claro), lá do Congresso.

SUGESTÃO - vamos pressionar nosso TSE para adotar as máquinas de votar que os "hermanos" da Argentina passaram a utilizar. ATÉ NISSO ELES SÃO MAIS AVANÇADOS QUE NÓS (rsrsrsrs).

Brasil - como teus homens públicos são criminosos!!!!! Eu te amo, Pátria amada, mas não consigo engolir essa rapaziada!

P.S. - Espero que o Sr. Lula escreva sobre essa urna lá no NYT. Vai ser um baita buchicho!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESCOLAS DE DELINQUENTES

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...