domingo, 30 de junho de 2013

FRASES INFELIZES

Para o final desse domingão, trinta de Junho, algumas frases pinçadas, e sua análise...

"Prezo muito a calma e a serenidade" (Pierre Ramon Alves de Oliveira) - hmmm... pensei que não prezasse MESMO;

"Eu chupo meu pau" (Rogério Skylab) - e o que mais, pra demonstrar a falta de cultura e o desrespeito pela sociedade?;

"Deu dois segundos ali e já abriram as portas para todo mundo sair" (segurança da boate Kiss) - jura?;

"feliz é o país que tem um povo com liberdade" (Lula) - liberdade de que? Morrer em tiroteio, viajar em busão lotado, ou depender do SUS para se curar?

"...uma insatisfação dos brasileiros que, acredito, não seja apenas com relação à presidente Dilma, mas com a classe política como um todo..."(senador Aécio Neves) - tá de brincadeira!;

"Avaliamos que isso é reflexo da conjuntura" (Sra. Gleisi Hoffman) - que surpresa!

Vejamos...

Como imaginar que alguém preze "calma e serenidade", à luz das imagens que flagraram o jovem mancebo? Ou ele é bipolar, ou está mentindo, agora, não é mesmo? Com a palavra os psicanalistas...

Como respeitar um artista que insere em suas composições algo tão ofensivo? Não importa se seu conteúdo é contestador, ou se ele quer inovar, ou seja lá que diabo for sua defesa - a sociedade como um todo precisa ser respeitada. Se ele quer se destacar quebrando regras, que não seja ofendendo pessoas - surpreenda-as, somente, meu jovem!

Quem acha mesmo que as portas da boate Kiss foram abertas dois segundos após o acidente? Você é ingênuo ou é sócio da boate? Sem dúvida alguma a primeira reação dos seguranças com o 'estouro' da clientela foi a de conter o pessoal, até saber o que se passava!!!! Ah, me poupem!

Um povo será na verdade feliz, Sr. da Silva, quando entender que está sendo respeitado em suas aspirações, que é mesmo tão importante quanto sua Pátria o é. A liberdade é um instrumento, mais do que um fim em si... de nada servira a liberdade de protestar, se NADA for feito por essa gente sofrida, doente, indefesa... entenda isso, Sr.

Temos um político que descobriu "o ovo de Colombo". Na verdade, Sr. Neves, nossa gente está revoltada com a maldade e desfaçatez de nossos homens públicos, que gestionam em benefício próprio, de modo quase geral, não respeitam seus eleitores, e não têm coerência com o que propõem a cada campanha eleitoral - só isso...

Sra. Hoffman, não é somente "reflexo da conjuntura". É a superação total da paciência bovina de nossa gente, que tem sido massacrada sistematicamente, ao longo de décadas, por pessoas em quem confiamos. Não é algo recente, nem novo - é algo acumulado, fermentado, perigosamente ignorado por nossa classe política.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUANDO A INTELIGÊNCIA ENCONTRA A ALIENAÇÃO

Com muito prazer republico um texto profundíssimo, que pode divertir, e vai trazer muita luz, sobre o momento político que vivemos. É ...