FARINHA POUCA, MEU PIRÃO PRIMEIRO

Os marajalatos e feudos conexos da nação "Utopia" estão em ebulição.

E não é que "quase" lhes tinham tirado os supersalários????? Onde já se viu isso?

Claro, nada que uma decisão monocrática do STF não resolva. E, em nome do "boni iuris", os respeitáveis barnabés do Congresso tiveram restaurados seus polpudos proventos, que isso não é coisa que se faça, tirar o sustento de tão diletos servidores!!!! Ora, ora, ora!!!!

Pois então. Como se não bastassem os desmandos seguidos e graves, sobre o texto constitucional, as pessoas se fundam em direitos adquiridos para confrontar e desrespeitar a dita cuja C.F., que nasceu em 1988 e morre a cada dia, nessa democracia capenga e de governo fisiologista que temos.

Num momento crucial, em que as pessoas - até as mais simples - começam a suspeitar que estão mesmo sendo esbulhadas, em direitos elementares que o artigo quinto da C.F. pretendia proteger, a rapaziada de "Utopia" segue, sambando alegremente (mesmo que não tenha chegado ainda o Carnaval), ao som de seus escárnios contra o restante da população brasileira.

Ok. Já tive meu momento de catarse. Vamos ser pragmáticos.

Porque não se respeita a Constituição? Porque ela não é regulamentada por completo, a saber, não são fechadas as lacunas daquele texto legal?

Quem poderia estar com a resposta? O Executivo, que solenemente ignora a Carta Magna? O Legislativo que o usa explorando suas lacunas? Ou o Judiciário, que conhece a lei, mas não tem ânimo aplica-la, em sua inteireza? O Papa, talvez?

Observar segmentos políticos inteiros reféns do SINDILEGIS é abominável. Uma eminência parda no Legislativo, que dobra os parlamentares a seu bel-prazer. Não são com certeza cidadãos do Brasil.

Quando muito, o são de "Utopia". Continuam, e continuarão, mandando seus filhos para estudar no exterior, porque é melhor (como dissera a esposa de um presidente...), vão continuar se tratando nos melhores hospitais privados do país (quem se importa com o SUS?), continuaráo fazendo compras em Miami...

Sabem, meus irmãos? Não tenho nada contra a prosperidade alheia. JURO. Mas ao ver que minorias imorais, desavergonhadas, tripudiam da nação e de suas leis, me torcem as vísceras.

MUDA, meu Brasil amado, sofrido, corrompido! Ou hão te de mudar!!!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

CURA GAY E OUTRAS IMBECILIDADES EMPURRADAS PELA MÍDIA