O INSTITUTO DO SILÊNCIO (OU O MANTO DA POUCA-VERGONHA)

Então... você não gosta de política?
 
Diz-nos a sabedoria do artigo 5° da moribunda* - conquanto mencionada sempre - Constituição Federal, em seu inciso LXIII, que o preso tem o direito de permanecer calado (minha transcrição), etc e tal.

Há entendimento pacificado de que ninguém será obrigado a produzir provas que o declarem culpado, etc e tal.

Bem, bem, bem... MAS E SE POR ACASO documentos recolhidos em domicílios, locais de trabalho, literalmente disserem que a pessoa é culpada? Como fica a respeitabilidade da Justiça, diante de alguém apanhado "com a boca na botija", que se cala?

Meus irmãos, essa terra brasileira tem sido vilipendiada diariamente. Seus homens públicos, publicanos ou não, têm usado sistematicamente o poder de que eventualmente são investidos para lograr essa nação e sua gente.

Mas então, essas jóias de caráter, ao serem apanhadas, nada obstante pilhas de documentos, calam a boca, e as pessoas ao seu redor ainda têm o desplante de advogar sua inocência!!!!!

Não sou contra o ordenamento do aparato judicial. Não se enganem. Apoio quase tudo em nosso sistema judiciário (escapam a esse apoio o excesso de recursos, de maioria protelatória, os prazos imensos que órgãos da Justiça impõem a muitas causas "suspeitas", dentre outras poucas razões mais...).

Mas, pessoas... sempre soube que contra FATOS, não há argumentos, no máximo explicação. Ademais, provas físicas - vale dizer, escritas ou impressas em papel, ou guardadas em bases de dados - PRECISAM SER LEVADAS A SÉRIO. Sob pena de o instituto da Justiça, já tão combalido em nossa terra, ser cada dia mais corroído, sob agressão de interesses políticos, volúpia de empresários sem escrúpulos, leniência do Executivo, mas sobretudo pela ignorância de nossos patrícios, adeptos em sua maioria do "farinha pouca, meu pirão primeiro".

Brasil, Pátria amada... sonho com melhores dias para ti!

*moribunda porque é sistematicamente desrespeitada, quando apraz a nossos políticos, porque muita coisa nela ainda não foi regulamentada, por culpa dos mesmos, porque há cláusulas anacrônicas ali... literalmente precisamos de uma nova, que enfeixe o corolário sob ela, e coloque a sociedade nos trilhos de nação pujante (que ainda não somos).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

ESCOLAS DE DELINQUENTES

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...