SR. EDUARDO CUNHA, VAMOS AOS FATOS - INOCENTE OU NÃO?


As notícias de hoje nos dizem que o ilustre presidente da Câmara dos Deputados, Sr. Eduardo Cunha, decidiu romper com o governo federal.

Está aborrecido porque fora "delatado", no bojo das investigações da "Lava Jato".

Sr. Cunha, primeiramente é necessário se dizer que admiro o estilo corajoso e despido de "fricotes" que vemos usualmente dentre nossos deputados mais ilustres. E não tenha dúvidas de que está marcando de forma indelével a história da Câmara, com atitudes voltadas para quem o elegeu, de busca incansável por fazer o melhor, e conduzir os demais pares em direção a posturas e decisões úteis a nossa gente brasileira.

Preciso também ponderar que qualquer pessoa se sentiria péssima, ao ver seu nome jogado no mesmo lamaçal onde hoje chafurdam safados de vários matizes. Ninguém quer se sujar nas imoralidades, desonestidades, safadezas de toda sorte que permeiam as operações da PETROBRAS, e estou certo de que na imensa maioria das estruturas onde o Estado tem ingerência. Até os meros mortais que têm confiado em nosso governo se sentiriam ofendidos.

Mas, Excelência, me foge ao entendimento as razões de tão ácidas atitudes de V. Excia, de ontem pra hoje!

Qual seria o ponto?

Observe, Sr. deputado, que as alternativas são muito mais incomodas, se consideradas de perto. Vamos a elas:

- o Sr. é mesmo culpado, e não queria ser descoberto?:
- o Sr. é inocente, e estaria culpando o governo pela delação do "passarinho"?
- o Sr. estava esperando motivo para romper definitivamente com o governo federal (já vinha em embates, desde fevereiro!)?

Sr. Eduardo Cunha, o "sapateio" de V. Excia. é muito mais suspeito do que a mera declaração de alguém. Se não deve, Excelência, NÃO TEMA. Saia "batendo", do cerco, demonstrando que tem mãos limpas. O povo brasileiro vai aplaudir, Excelência. E o Sr. subirá MILHARES DE PONTOS em nossa classificação.

Mas se deve... não chore muito. Não estará sozinho. Ou o Sr. acha mesmo que toda a miséria do Brasil se deve SÓ AOS QUE FORAM MENCIONADOS NAS DELAÇÕES?

Brasil, meu Brasil amado... porque teus homens públicos reclamam, quando podem provar que não devem?

P.S. - se isso servir de consolo, Sr. Cunha, até ao menos no momento sou fã de V. Excia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ESCOLAS DE DELINQUENTES

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...