Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

IMORALIDADES A OLHO NÚ... (OS IMORAIS, VERSÃO 2016)

Imagem
(...será que cabe mais um? Tem um correligionário...)


Nossa classe política não se cansa de me dar material para debate, preciso agradecer cada uma das "casas legislativas" (não dá pra chamar de bordéis, dá?), pelo fluxo ininterrupto de novidades...

Mas o que comento agora nem é novidade... Dentre outros "acima da lei", temos alguns senadores que extrapolam limites claros, sob alegações as mais pífias e/ou cômicas... Observem um exemplo:

CABIDES OFICIAIS

No acolhimento de "acessores", aqueles bravos conseguem se superar em pilantragem. Ora vejam, se o máximo é 55 (cinquenta e cinco) acessores (muitos deles "aspones", como diria um amigo meu), ao custo mensal máximo de R$ 70.000,00, como então admitir que alguém como o Exmo. Sr. Hélio José tenha 86? Ou... pior... como  se entender que o presidente do Senado tenha nada menos que 71 (setenta e um) acessores?

Meus amigos e amigas, o orçamento por senador totaliza R$ 5.964.000,00 por mes. Se cogitar…

POLÍTICOS INVESTIGADOS? PORQUE NÃO PODEM IR PARA A CADEIA?

Imagem
Chamada geral, galera!!!!! (Nani, se você não concordar com o uso da charge, me avise - eu a removo)
O Brasil está assombrado.

Assombrado por dois cidadãos (assim mesmo, terminado em "ão"), que resolveram fazer valer a lei. O sr. Procurador Geral da República, Dr. Rodrigo Janot, e o Exmo. Sr. juiz Dr. Sérgio Moro, do Tribunal Regional Federal da Quarta Região, decidiram que, embora todos os brasileiros sejam iguais, perante a lei, alguns (notadamente uma galera lá do Planalto Central) eram "mais iguais", e resolveram cutucar nossa enfermidade mais agressiva e nociva - a corrupção.

Bem, bem, bem... assombrados indiciados decidiram abrir a boca, e agora está um "Deus nos acuda", nas casas do Legislativo, e em algumas instâncias do Executivo.

Não é isso mesmo que estamos acompanhando?

Mas então... a moçada sapeca e safada (a maioria, preciso pontuar, a bem dos sérios) da Câmara dos Deputados está em "panos quentes", para proteger um dos mafiosos ma…

ÍTALO MORREU... UM PREÇO QUE A SOCIEDADE PAGA

Imagem
Não importa a cor... são vidas!!!!
A semana findante trouxe muito abalo à sociedade brasileira, e em particular à população paulistana, porque um garoto de 10 (dez) anos fora baleado pela autoridade policial, quando empreendia fuga com parceiro de 11 (onze) anos. Aparentemente o guri mais novo teria atirado nos policiais, e no revide da autoridade, foi ferido fatalmente.

TERRÍVEL? É. HORROROSO, UMA CRIANÇA DE DEZ ANOS FALECER PELA ARMA DE UM POLICIAL? SIM...

Mas vamos com calma nessa análise. Sem querer me arvorar a palmatória da humanidade, antes de me deixar levar pela emoção, avaliemos friamente o quadro todo.

PRIMEIRAMENTE, os pequenos delinquentes estavam empreendendo fuga num carro ROUBADO. O que a sociedade cobraria da polícia? Que os perseguisse, na tentativa de reaver o bem subtraído. Concordam? Ah, bom... vamos em frente...

Ademais, policiais numa viatura, ao confrontarem pessoas no interior de um carro, não têm o poder de avaliar quem estão confrontando. Dizer que eram crian…

O MITO FALA...

Imagem
Avaliem essa matéria, de lavra do ilustre deputado, capitão Jair Bolsonaro, publicada na coluna "Opinião", do jornal "Folha de São Paulo", edição de 24.02.2000.

Guerrilheiro de festim

Não venham agora com lengalenga, querer contar lorotas na busca da compaixão e de votos


JAIR BOLSONARO

Retardei minha saída de casa no dia 27 de janeiro, já que o telejornal "Bom Dia Brasil" anunciava o nobre deputado José Genoino para uma entrevista já gravada. Quando esse espaço caro é ocupado por políticos, eles são ou governistas ou opositores que no passado eram conhecidos pelo jargão sindicalista como pelegos.
Não cabe a mim tecer comentários pelo fato de o ilustre petista começar dizendo que não acredita em Deus. É um direito dele falar. Tal afirmativa até se mostra como um ato de coragem, diante de um povo que não acredita em quase nada, a não ser em Deus.
Mas posar de herói durante a entrevista, pelo seu passado de pseudoguerrilheiro, agredindo o Exército bras…