PREMIANDO UMA CRIMINOSA


 Confiram a expressão de "tristeza" da apenada... (a "mina" estuprada não interessa, não é mesmo, pessoal dos "direitos dos manos"?)

Noticieiro recente nos dá notícia de que a Dra. Clarice Maria de Andrade, juíza naquele distante "país" sem lei, chamado Pará, foi PUNIDA (!!!!!) por ter encaminhado uma menor delinquente, em seus quinze aninhos, para uma cela ocupada por 30 (TRINTA) marmanjos, igualmente criminosos, onde permaneceu por alguns dias, para gáudio dos "companheiros" de cela, tempo em que, naturalmente, foi muito respeitada e protegida (se não virem ironia no texto, por favor chamem o hospício, para si). Aconteceu em Abaetetuba, Pará, há alguns anos atrás, esse "incidente".

Uma mocinha que certamente cometera algum ilícito tremendo, para ser assim penalizada pela ilustre magistrada. Ora, ora, ora, criminosos precisam ser punidos, não é mesmo DONA CLARICE?

Mas a infeliz magistrada teve sua conduta verificada, o Dr. Arnaldo Hossepian, do CNJ, classificou a medida adotada pela magistrada como "ignominiosa", e aquele Conselho penalizou a ilustre representante da Justiça, com afastamento de suas atividades, por DOIS ANOS. Como se tal penalidade não fosse suficiente, manteve a singela remuneração de juiz da magistrada.

Punição Exemplar!!!!! (faz-me rir...)

Uma pena dessas, só se fosse proferida mesmo pelo diabo!!!! Imaginem, uma pessoa ficar desobrigada de trabalhar, e ainda por cima receber por isso!!!! Não é o cúmulo da perversidade???? Obrigar a vetusta senhora a realizar viagens de lazer cansativas, a passear por shoppings caros, para consumir seu salário (lembramos, muito singelo, algo em torno de R$ 25.000,00, fora outros afagos oficiais).

Sua Excelência, convenhamos, NÃO FOI PENALIZADA. Recebeu um premio estupendo, com o qual sonham todos os mortais deste mundo - FÉRIAS DE DOIS ANOS, regadas a alentados vencimentos, e emprego assegurado!!!!!!

Uma vergonha insuperável, para a Justiça nacional. Um pepino que nossas ONG's de Direitos "dos manos" nem sequer ousam manifestar-se a respeito (onde estão vocês, meninos e meninas alienados que gritam quando um delinquente criminoso toma uma bala da polícia? Ah, me poupem, cambada de safados interesseiros - essa matéria da menina multi-estuprada não lhes dará muito holofote, não é mesmo? Pilantras, o que importa é fazerem barulho, nada mais...)

Penalizadíssima foi aquela menina, não importa se ela seja uma piranha, um "vapor" dos traficantes, ou ex-nora da juíza. Ninguém merece a sina que ela teve - de ser abusada por perto (imagino que algum dos criminosos não participou da hediondez... como sonho com gente de caráter!!!!) de trinta marmanjos, que estavam na mesma cela exatamente pela mesma razão - desrespeito à sociedade. Acham mesmo que iriam respeitar uma menininha de quinze anos, literalmente "carne fresca"?

Dra. Carmem Lúcia, a bola está na quadra de V. Excelência. Ou o Brasil (e o mundo) fica sabendo que aquela menina é mesmo o capeta encarnado, ou nos digam que a punição da Exma. juíza, Dra. Clarice, foi outra. E que ela será exonerada do serviço público.

Os magistrados de todo o país agradecem as providências de V. Excia.

EM TEMPOSe a Dra. Clarice tem defesa para o que aconteceu, ou se há outras pessoas da autoridade judiciária/policial envolvidas no incidente dantesco, é só me informar, e eu revejo a posição dessa crônica, e/ou dou nome a quem de direito. Não tenho o menor problema em rever as coisas, em favor de quem seja inocente.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ERROU DE NOVO, SR. MICHEL SAAD NETO!

ESCOLAS DE DELINQUENTES

DE MARCHINHAS DE CARNAVAL...